Como ajudar uma pessoa com depressão

 

Mulher com depressãoInfelizmente esta é uma das doenças que vem se tornando mais comum entre a população mundial, e para comprovar isso, de acordo com pesquisas realizadas recentemente mais de 20% da população já sofreu ou ainda sofre com a depressão e este número está a crescer. Contudo, estima-se que este distúrbio ou problema psicológico e psiquiátrico que atinge mais mulheres do que homens, e vem sendo considerada uma doença grave pelo fato de casos mais graves e extremos, a pessoa pode cometer suicídio. Existem diferentes tipos de depressão, mas quem sofre com este problema geralmente apresenta os seguintes sintomas: tristeza constante, dificuldade para se concentrar, esquecimentos incomuns, lentidão para pensar e para agir, pessimismo ao extremo, pensa em cometer suicídio, sensação de inutilidade, sensação de mão ser amado por ninguém e de não poder amar, ganhou ou perda rápida de peso, falta de apetite, sensação de fadiga, perde o sentido da vida, não tem interesse, distúrbios de sono, aumento da sensibilidade, palpitações do coração e outros. Caso alguma pessoa próxima a você apresente alguns destes sintomas citados logo acima, a principal coisa a se fazer é auxiliar esta pessoa a procurar um psiquiatra ou um psicólogo clínico.

Esta é uma atitude que deve ser tomada o quanto antes principalmente se esta pessoa vem falando com você de forma direita ou indiretamente sobre suicídio ou simplesmente demonstra para você que a vida não possui mais sentido algum. De acordo com especialistas, na maioria dos casos as pessoas que comentaram para seus amigos e familiares sobre o ato de suicidar, assim cometeram tal ato sem que ninguém desse a devida intenção, pois simplesmente acharam que a pessoa não teria a coragem ou capacidade de colocar um fim em sua própria vida. Por este motivo se alguém próximo a você está deprimido e comenta sobre suicídio, procure conversar com a mesma, tente animá-la, indique e leve-a a um profissional, solicite ajuda e comunique as pessoas mais próximas. Quanto ao tratamento da depressão é válido ressaltar que não existem um método ou técnica de tratamento para a depressão devido a este ser um problema resultante a causas psicológicas, biológicas e sócio-culturais. Desta forma, a primeira linha de tratamento deve ser a biológica, o que deve consistir na busca de um bom profissional psiquiatra para obter medicamentos prescritos, os quais proporcionam alívio imediato em relação a alguns sintomas, como fadiga, falta de apetite e insônia.

Ao longo da fase crítica que um psicólogo clínico poderia começar a agir, o qual terá a aposição de promover a esperança e a diminuir a culpa do paciente, assim é verificado o apoio da família e dos amigos, além de conselhos por parte do profissional.

Nenhum voto, seja o primeiro


Maikon
14/03/11


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook