Como tratar a hemorróida

Hemorróida

Para quem não sabe, o termo hemorróidas se refere às veias que envolvem o ânus ou o reto inferior que se encontram inflamadas e inchadas, o qual para determinados indivíduos é o resultado de esforço para evacuar. Além deste, outros fatores contribuem para a hemorróida, como gravidez, diarréia, constipação crônica e intercurso anal. Desta forma, a hemorróida pode ser dentro do ânus, isto é, internamente ou então, abaixo da pele ao redor do ânus, externamente. Embora muitas pessoas pessoa sofrem de hemorróidas, não são todas sofrem com os sintomas, no entanto, o sintoma mais comum da hemorróida é o sangue vermelho vivo cobrindo as fezes, sobre a privada ou papel higiênico. No entanto, uma hemorróida interna pode se projetar para fora do ânus, isto é, para fora do corpo ficando assim, mais dolorida e irritada. Desta forma, os sintomas da hemorróida externa podem ser: inchaço dolorosa ou saliência rígida ao redor do ânus, resultando em um coágulo sanguíneo, sendo esta a condição denominada de hemorróida externa trombosa. Assim, com o excesso de esforço e o atrito próximo ao ânus pode resultar na irritação com sangramento ou/e coceira, o qual resulta em um ciclo vicioso de diversos sintomas.

Hemorróidas é um problema não tão perigoso, mas necessitam de tratamento ao longo da vida, sendo que com o tratamento correto, em alguns casos os sintomas desaparecem em poucos dias. A hemorróida é diagnosticada a partir de uma avaliação cuidadosa e bem criteriosa, além de um diagnóstico apropriado pelo profissional quando houver sangramento através das fezes ou pelo reto. O sangramento pode ser considerado também como um sintoma de demais doenças no aparelho digestivo, como por exemplo, o câncer colorretal. Desta forma, se faz necessária o diagnóstico, no qual o profissional irá examinar o ânus e o reto para localizar os vasos sanguíneos que estão inchados, os quais indicam hemorróidas. Além disso, o médico irá realizar um exame retal digital com o dedo em luva lubrificada para tentar localizar anomalias, sendo esta a avaliação mais precisa do reto em relação a hemorróidas, que necessita de um exame com anuscópio, tubo iluminado ou proctoscópio. Para que você verifique demais causas para o sangramento gastrintestinal, o médico deverá examinar o reto e o cólon inferior a partir de um sigmoidoscópio ou de um colonoscópio.

O tratamento da hemorróida consiste inicialmente em aliviar os sintomas do problema, como banho de banheiro com duração de 10 minutos em água morna, várias vezes ao longo do dia, e aplicação de creme ou supositório contra hemorróida por um determinado período. Mas para mais detalhes sobre o melhor tratamento para o seu problema, procure um médico.

1 voto



Maikon
14/06/10


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook