Conheça as obras de Machado de Assis

Machado de Assis é um escritor brasileiro, e suas obras são lidas até hoje e ainda são muito pedidas nos vestibulares e muito apreciada.

Responsável por uma grande lista de títulos de obras clássicas da literatura, Joaquim Maria Machado de Assis, é um escritor brasileiro, muito conhecido e que ainda possui várias de suas obras que servem como leitura básica para vestibulares pelo Brasil. Nascido no dia 21 de junho de 1839 é carioca da gema, além de escritor é romancista, poeta, jornalista, dramaturgo, contista e teatrólogo.

Machado de Assis

                       

Algumas de suas obras são: “Ressurreição”, “A mão e a luva”, “Helena”, “Hoje avental, amanhã luva”, “Papéis Avulsos”, “Desencantos”, “Ocidentais”, “História sem data”, “O caminho da porta”, “O protocolo”, “Quincas Borba”, “Quase ministro”, “Os deuses de casaca”, “Esaú e Jacó” entre tantas outras obras belíssimas.

Confira um pouco mais sobre as mais conhecidas “Dom Casmurro” e “Memórias póstumas de Brás Cubas”:

Dom Casmurro

Com um olhar crítico sobre toda a sociedade, Machado de Assis publica “Dom Casmurro” em 1899, a obra onde aborda o ciúme, gera diversas polêmicas sobre alguns personagens, como sobre a vida de Capitu, personagem feminina esperta, independente e até articuladora. O centro da história é: Capitu traia ou não Bentinho?

Dom casmurro - Machado de Assis

Para resumir toda a história, ela começa da seguinte maneira, Bento Santiago, o Bentinho é um rapaz rico, e Capitu uma moça pobre e humilde. Dona Glória, mãe de Bentinho quer manda-lo para o seminário para cumprir uma promessa que fez. Bentinho conta para Capitu, que juntos e apaixonados tentam se livrar da promessa, sem sucesso.

Bentinho vai par ao seminário e conhece seu melhor amigo, Escobar, que com o desenrolar da história, conhece Capitu. Finalmente, após Capitu aproximar-se de Dona Glória, e com a ajuda de Escobar, é encontrada uma maneira de Bentinho se livrar do seminário, assim ele se forma em direito e se casa com Capitu. Escobar também sai do seminário e se casa com Sancha.

Capitu - Olhos de cigana

Após os casamentos, os casais estreitam ainda mais a amizade. Escobar e Sancha tem uma filha, Capitolina, e Bento e Capitu um filho, Ezequiel. A partir daí, Bentinho começa a desconfiar da traição entre Capitu e Escobar, e toda a história começa. Alguns dizem que tudo isso é adultério. Outros que é um ciúme doentio.

Ao ler a obra, é preciso analisar todos os pontos, cada vírgula que Machado utilizou. A história é narrada por Bentinho já em sua velhice, onde ele tenta unir as duas pontas de sua vida, e compreender tudo o que aconteceu em sua história.

Memórias póstumas de Brás Cubas

Em sua obra “Memórias Póstumas de Brás Cubas”, Machado de Assis inova radicalmente o que se conhecia da literatura brasileira, além também se ironizar a vida e os privilégios que algumas pessoas possuíam naquele época.

Memórias Póstumas de Brás Cubas - Machado de Assis

Para começar a história, o narrador personagem é Brás Cubas, que começa narrando o livro a partir de sua morte e de seu enterro. Ele é um defunto autor. A obra é baseada na vida em que teve, desde sua infância, assim ele passa por toda a sociedade do século XIX e refletindo sobre o que foi sua vida, o que ele fez.

Durante as histórias contadas por Brás Cubas no livro, ele reflete tudo que fez em vida, suas travessuras na infância, as histórias com seu melhor amigo Quincas Borba, seu amor por uma prostituta e a vida nova na Europa, quando volta para o Brasil a tempo de ver sua mãe morrer, ele percebe que sua vida toda foi preocupado com coisas fúteis. Apesar de suas desiluções, se apaixona e vive um amor proibido por Virgília.

Memórias Póstumas de Brás Cubas - frase

Brás Cubas viveu uma vida com poucas alegrias verdadeiras, sempre preocupado as futilidades da vida. Começa a ter planos de criar um medicamento que curase a sociedade da melancolia, mas na realidade, o que Brás Cubas queria mesmo era o seu nome estampado nas publicidades.

Nesse vídeo do Youtube você confere mais detalhes sobre a história de Machado de Assis:

Machado de Assis - Literatura

Saiba mais sobre livros:

1 voto



Ananda Morales
01/07/09



Vídeos Relacionados

Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook