Depilação definitiva a laser

É no verão que a preocupação com a depilação aumenta por parte da mulherada, já que é na época mais quente do ano em que será exibido o corpo com belos e pequenos biquínis, seja na praia ou na piscina, e é neste período que muitas irão sofrer com os incômodos dos pelos encravados, sobretudo, na virilha e nas axilas. Mas por que isso sempre acontece? Especialistas dizem que o motivo disso é simples, pois após a utilização de aparelhos depilatórios ou de utilizar a cera, os pelos são removidos pela raiz, e a haste do pelo não segue o caminho para a superfície, e assim se direciona para o seu interior quando volta a crescer, e isso, tem como consequência, as famosas bolinhas na pele. É esta curvatura do pelo que o faz encravar, já que seu crescimento está voltado para seu interior, e para muitas este problema pode ser resolvido com a realização de uma boa esfoliação da região que pretende depilar, no entanto, se o problema persistir, o mais indicado é recorrer a depilação definitiva.

             

Dentre as técnicas mais conhecidas para a realização da depilação definitiva estão o laser e a luz pulsada, os quais são indicados para pessoas de pele branca, que possuem pelos mais escuros e grossos. Dermatologistas informam que a luz emitida pelo laser faz com que aproximadamente 40% dos pelos desapareçam com apenas a realização de uma sessão, assim se fazem necessárias algumas sessões para eliminar os pelos totalmente, e ainda uma manutençãozinha em longo prazo. As duas técnicas de depilação definitiva atuam seletivamente no pelo sem provocar algum tipo de lesão à pele, sendo que há pessoas que necessitam da aplicação de anestesia em creme para evitar qualquer tipo de complicação, mas para assegurar a qualidade do procedimento é preciso que você recorra a um profissional capacitado e especializado. O procedimento a laser funciona da simples forma: o feixe de luz emitido é absorvido pelo pigmento encontrado na raiz do pelo, a melanina, assim em questão de segundos a raiz é atingida, o que impede o seu crescimento.

A redução dos pelos é definitiva, no entanto, com o procedimento a laser não se pode impedir o crescimento de novos pelos na região, sendo que após a realização do mesmo, podem aparecer alguns pelinhos na região após alguns meses, mas este pelos são geralmente finos e escassos. A outra técnica muito utilizada para a remoção definitiva dos pelos é o laser de diodo, sendo que a diferença em relação aos outros métodos é a sua grande eficácia para outros tipos de pele, incluindo pele negra e morena. Quanto ao preço destas técnicas citadas, o valor pode variar de clínica para clínica e de profissional para profissional, sendo que em média o preço por sessão é de 300 a 1.000 reais.

0 voto



Maikon
30/07/10


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook

X
Curta a página