Foliculite como tratar

 

mulher-em-consulta-mpedica

Você sabe o que é foliculite? Este é um problema que atinge muitas pessoas sem que elas realmente saibam o que está acontecendo, sendo que a foliculite é uma inflamação do folículo capilar, local onde crescem os pelos, no qual passa a ser mais comum do que muitos pensam. Este problema ocorre quando os pelos tentam ‘sair’ para fora da pele e não consegue, assim a origem do problema se encontra em pequenos atos que passam despercebidos que são realizado diariamente. Alguns atores contribuem para o aparecimento deste problema, como atrito das roupas, depilação com cera ou lâmina e qualquer outra ocasião em que ocorre um espessamento superficial da pele que fazem com que os pelos não cresçam da forma correta, o que faz com que os mesmos fiquem presos dentro dos folículos. Além disso, possui a possibilidade de uma contaminação através de fungos e bactérias que possam provocar o espessamento.

Não existe um padrão específico de paciente que possa sofrer com este incômodo, entretanto, pessoas de raça asiática ou negra podem desenvolver uma tendência do que outras pessoas, já que este tipo de pele possui uma maior produção de colágeno possuem uma pele mais espessa, e que facilmente poderá provocar a foliculite. Felizmente esta inflamação pode ser revertida, isto é, pode ser curada e até mesmo evita de uma forma simples e prática, que exige apenas dedicação e cuidados especiais, assim como outros tratamentos, mas é claro, levando a orientação médica em consideração em todos os momentos. De acordo com especialistas, a melhor forma para que se combata a foliculite é a realização de esfoliações químicas ou mecânicas, sendo que dentre as químicas encontram-se os peelings com ácido salicílico, glicólico ou mandélico, tais procedimentos que são realizados apenas em clínicas de estéticas profissionais. Já em relação aos tratamentos mecânicos encontram-se os peeling de cristal e os peelnig de diamantes, que também são realizados apenas em clínicas de estética, sendo que a pessoa que se submete a este tipo de tratamento deve evitar a exposição ao sol antes e depois do tratamento, já que a região pode manchar com maior facilidade. Além disso, após a realização deste procedimento é de grande importância que o paciente utilize um bom hidratante das regiões em que foram realizadas os procedimentos.

Já nos casos mais graves, a foliculite pode ser tratada através de procedimentos a laser, pois estes casos merecem maior atenção e melhor solução. Além disso, é recomendado que você obtenha alguns cuidados para evitar a foliculite, principalmente você que possui maior probabilidade de desenvolver o aparecimento deste problema, como evitar a utilização de roupas justas incluindo as roupas íntimas, e dependendo da região é preciso que você avalie a forma de depilação, pois pode ser a técnica que esteja contribuindo para a presença da foliculite.

1 voto



Maikon
27/07/10



Vídeos Relacionados

Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook