Resumo do livro O Príncipe Desencantado

Livros curtos, com histórias interessantes e criativas, e até divertidas, são excelentes para incentivar uma criança a ler.

Resumo do livro O Príncipe Desencantado

O autor do livro “O Príncipe Desencantado” é o José Américo de Lima. Logo a seguir você poderá encontrar um excelente resumo do livro. A história é um pouco infantil, porém muito criativa e interessante. O livro possui apenas 79 páginas, porém é um dos melhores do autor José Américo de Lima. Mas deixando a conversa de lado, veja abaixo o resumo do livro “O Príncipe Desencantado”:

O príncipe Wladimir cansado com a vida da corte resolveu sair pelo mundo à procura de aventura. Sendo assim ele comunicou a seu pai que iria sair procurando aventuras. O pai do príncipe Wladimir apenas lhe deu alguns conselhos e ele partiu.

Passaram semanas e nada havia acontecido, Wladimir já estava aborrecido querendo voltar à corte, porém quando ele estava voltando, ele encontrou um homem muito triste, do qual o príncipe sentiu muita dó. Wladimir então perguntou se ele poderia ajudar, mas o homem respondeu que ninguém poderia ajudá-lo, pois ele foi enviado para encontrar alguém para matar um dragão, porque o reino estava vivendo sobre o domínio de um terrível dragão, que exigia a cada três meses, uma quantidade de ouro correspondente ao tamanho dele. E para conseguir todo este ouro, metade da população trabalhava noite e dia, extraindo tudo que podia.

Arauto também isso que as minas estavam acabando e era por este motivo que o rei o enviou para encontrar alguém que matasse o dragão. Essa pessoa receberia uma recompensa em ouro, em jóias e a mão da princesa em casamento.

O príncipe nem pensou duas vezes e assim eles já começaram a viagem para o reino. No meio do caminho Wladimir encontrou uma Fada Negra que queria ajudá-lo, mas ele disse que não queria ajuda, porque saiu do conforto do seu reino para usar sua força e inteligência. Ele até ficou muito agradecido, mas definitivamente não queria ajuda.

Mais a frente eles encontraram um homem que estava procurando Arauto, pois ele queria enfrentar o dragão, mas se ele quisesse poderia enfrentar primeiro. O homem já queria sair para briga, pois era muito arrogante. No final Wladimir por se defender, acabou matando o homem. A culpa não foi de Wladimir, pois ele tentou evitar, pois a todo o momento se lembrava das palavras de seu pai.

No dia seguinte eles chegaram ao reino e todos ficaram admirados, olhando para eles. O rei já disse à princesa que um novo pretendente havia chegado para tentar matar o dragão. A princesa não acreditava que Wladimir não ia conseguir matar o dragão e pediu para seu pai (o rei), para que a deixasse fora dos “prêmios”, ou melhor, das recompensas, pois não queria passar mais humilhações.

O rei então foi conversar com Wladimir e, muito feliz pela chegada dos dois, perguntou onde estava o exercito de Wladimir. Mas quando soube que apenas Wladimir iria enfrentar o dragão, ficou um tanto quanto desesperançoso. O príncipe mesmo assim preparou suas coisas e foi observar o lugar. De repente ele ouviu uivos, e por isso subiu na montanha o mais alto possível para ver melhor.

Ele avistou uma mulher e, ele disse a ela que estava correndo grande perigo. Ela falou que conhecia todas as redondezas, e que sempre ia lá. Ele perguntou se ela não tinha medo do dragão solto que havia por ali, e ela disse que não, pois de tanto observar o dragão já conhecia os passos dele.

Mais sobre Resumo do livro O Príncipe Desencantado

Wladimir então disse a Nityam que ele queria matar o dragão, e perguntou se ela poderia ajudá-lo, pois ela conhecia o local. Ela decidiu o ajudar com muito prazer, e eles armaram um plano que ficou assim: O Wladimir ia fazer com que o dragão caísse do precipício, ia colocar uma montagem para ele cair, com arbustos, fogueiras, entre outros materiais. Wladimir desceria por uma corda e o dragão cairia de fato do precipício.

Após eles programarem o plano foram dormir na cabana de Nityam. Quando eles acordaram, arrumaram todo o plano e quando a noite chegou um acabou se declarando para o outro. Decidiram se casar ali com as estrelas de testemunhas. Após um tempo Nityam disse a Wladimir para ele pensar na rapidez que eles decidiram seus futuros, mas mesmo assim se casaram.

No dia seguinte Nityam foi atrás das pedras, para ascender às fogueiras, e enquanto isso Wladimir foi à caverna do dragão e assoprou um apito. Assim o dragão apareceu, o príncipe ia correr quando o dragão falou que sabia de todo o plano que eles armaram. O dragão convidou Wladimir e sua companheira para entrar na caverna. Wladimir ficou obviamente muito duvidoso em relação aquela situação, mas entrou, pois o dragão parecia ser bom.

O dragão começou a falar coisas complexas de seu destino, que o mesmo não podia mudar. Eles estavam conversando normalmente, quando de repente o dragão caiu de joelhos e lágrimas começaram a rolar em seu rosto, pouco depois ele desmaiou. Nityam ficou com pena do dragão e enxugou as suas lagrimas. Ela também estava muito nervosa, porém a “Fada Negra” apareceu e explicou que o dragão era um príncipe, que se chamava Ravel. Quando ainda príncipe ele se apaixonou por uma donzela chamada Celeste, mas o amor trouxe muita inveja à irmã de Ravel, uma moça chamada Danila. Apesar de ambas terem recebido a mesma criação, Danila era muito egoísta e vaidosa. E assim despeitada porque o príncipe Ravel escolheu a sua irmã, procurou uma bruxa e pediu para que ela engendrar uma terrível vingança.

Assim a bruxa o transformou em um dragão, e deixou claro que a única maneira dele voltar a ser humano seria se uma moça jovem, bonita e inteligente, apaixonada pelo marido, fosse movida por um sentimento tão forte de compaixão pelo infeliz dragão, a ponto de enxugar as lágrimas, na presença de uma Fada Negra. A fada também disse que assim o dragão poderia voltar para a sua mulher.

Felizmente tudo deu muito certo, Wladimir e Nityam ficaram muito felizes e voltaram ao reino para contar que o dragão havia “morrido”. Depois de tudo, sem recompensa alguma, Wladimir e sua mulher voltaram para a corte de Wladimir e como era de se esperar foram felizes para sempre. Lembrando que Wladimir só não quis recompensas, por que já era muito rico.




Larissa
30/11/09

Mais informações por email.

Comentar sobre Resumo do livro O Príncipe Desencantado

Destaque

Resumo do campo magnético

Resumo do campo magnético