Tecido cartilaginoso características

O tecido cartilaginoso está presente em algumas partes do corpo humano. Entenda melhor o que é esse tecido e o que o compõe.

O tecido cartilaginoso é literalmente uma forma especializada do tecido conjuntivo, tendo uma resistência mais rígida e tem o papel de suportar os tecidos moles, facilitar os deslizamentos, revestir as superfícies articulares para absorção de choques e ainda é fundamental para o crescimento dos ossos longos. A cartilagem é então um tecido conjuntivo constituído por células condrócitos e de matriz extracelular especializada. É um tecido avascular, ou seja, não possui vasos sanguíneos, tendo assim a sua nutrição realizada através dos capilares do conjuntivo envolvente, o pericôndrio ou pelo liquido sinovial das cavidades articulares. No entanto, há casos em que os vasos sanguíneos atravessam as cartilagens sem que haja a nutrição do tecido cartilaginoso, e além disso, este tecido é livre de vasos linfáticos e de enervações, ou melhor, nervos. As cavidades da matriz extracelular são ocupadas pelos condrócitos, as quais são denominadas de lacunas, e uma lacuna pode possuir um ou mais condrócitos. Já a matriz extracelular possui uma consistência rígida e solida, apesar de certa flexibilidade, a qual é uma característica devido a presença de propriedades elásticas. As propriedades do tecido cartilaginoso, as quais estão associadas a sua atuação fisiológica dependem de sua estrutura da matriz, a qual é composta por colágeno e por colágeno mais elastina juntamente com as macromoléculas de proteoglicanas (proteína mais glicosaminoglicanas).

O fato da elastina e do colágeno serem flexíveis fazem com que as cartilagens sejam firmes, e isso se deve as ligações eletrostáticas entre as glicosaminoglicanas das proteoglicanas e o colágeno e a quantidade elevada de moléculas de água presas a estas glicosaminoglicanas que proporcionam turgidez a matriz. As cartilagens são envolvidas pela bainha conjuntiva, a qual recebe o nome de pericôndrio, exceto as cartilagens articulares e as peças de cartilagem fibrosa. As cartilagens são dividas em três grupos, sendo o primeiro, a cartilagem hialina, o segundo a fibrocartilagem (cartilagem fibrosa) e a terceira, cartilagem elástica. Assim, para maior compreensão, veja logo abaixo os três tipos e suas características:

-Cartilagem hialina: Se distingue devido à presença de uma matriz transparente, amorfa e homogênea, e por toda a cartilagem hialina possui lacunas em que são encontrados os condrócitos. Estas lacunas são envolvidas pela matriz extracelular que é composta por matriz fundamental e fibras de colágeno. É esta cartilagem que forma a princípio o ‘molde’ do esqueleto do feto. A matriz da cartilagem hialina possui fibras de colágeno tipo II imersas na substância fundamental, amorfa. É encontrada no disco epifisário, no crescimento longitudinal dos ossos.

-Cartilagem elástica: Este tipo de cartilagem possui fibras elásticas e lâminas de material elástico, o qual proporcional maior elasticidade ao tecido, podemos encontrá-la, por exemplo, no pavilhão da orelha. Devido à presença de material elástico na cartilagem, a mesma possui uma cor amarelada, quando fresco, e esta pode ser encontrada isoladamente ou formar uma peça cartilaginosa juntamente com a cartilagem hialina. Possui pericôndrio e conta com crescimento aposicional, sendo esta um tipo de cartilagem menos propensa para problemas degenerativos quando comparada com a hialina em relação a este aspecto. Diferentemente da cartilagem hialina, a cartilagem elástica não se calcifica.

Mais sobre Tecido cartilaginoso características

-Cartilagem fibrosa ou fibrocartilagem: Este é um tecido com características intermediárias em relação à hialina e o tecido conjuntivo denso. Possui matriz extracelular com feixes evidentes com espessas fibras de colágeno, e com grande quantidade de feixes, as fibras colágenas seguem a orientação aparentemente irregular entre os condrócitos, orientação que depende das forças que atuam sobre a fibrocartilagem. Não possui pericôndrio e está presente em regiões em que é necessário resistir à compressão e o desgaste, e assim é encontrada no joelho, nos discos intervertebrais, em determinados locais em que há tendões que se ligam aos ossos e na sínfise púbica.

Saiba mais sobre Corpo Humano:

Continue lendo

Tecido ósseo resumo

Tecido ósseo resumo




Maikon
26/02/11

Mais informações por email.

Comentar sobre Tecido cartilaginoso características