Olho seco sintomas

Olhos secos pode ser indício de que a umidade relativa do ar está muito baixa, por isso, é fundamental mantê-lo sempre com colírio.

Você vem percebendo que seu olho está muito seco, verdadeiramente ruim para piscar ou até mesmo visualizar? Então, saiba que o olho seco é um problema que ocorre na superfície do olho, quando a pessoa produz pouca quantidade ou lágrima de má qualidade. Assim, quando um ou ambos destes fatores se fazem presentes, a consequência é zonas secas da área ocular, o que facilita o surgimento de lesões. As lágrimas oculares são produzidas pelas glândulas lacrimais encontradas nas pálpebras e na órbita óssea, sendo que estas glândulas são acionadas pelo sistema nervoso, o qual é involuntário e que tem a capacidade de produzir dois tipos de lágrimas, as constantes e as basais. Ambas as lágrimas tem como função principal lubrificar e alimentar a córnea, facilitando assim a visão e defendendo os olhos de infecções e de corpos estranhos que sempre aparecem nos olhos, como os famosos ciscos.

As lágrimas reflexas são produzidas pelas glândulas quando ocorre um estimulo, como emoção, tristeza, dor, irritação, enfim, e tem como finalidade enxaguar os olhos, assim ao serem liberadas se espalham por toda a superfície externa dos olhos em cada pálpebra, as quais são posteriormente drenadas pelos condutos lacrimas que se encontram na extremidade próxima ao nariz. O olho seco pode surgir e apresentar diferentes sintomas, como sensação arenosa ou de corpo estranho nos olhos, queimação, ardor, sensibilidade a luz, aspereza, ardor leve, olhos lacrimejantes, visão de halos coloridos. Contudo, é válido ressaltar que o olho seco pode ser resultante pelo ambiente, como clima seca e com excesso de vento, contaminação ambiental ou poluição, fumaça, lugares fechados, ar condicionado, calefação e também monitores de computador, sendo o último responsável pelo aumento da evaporação da umidade dos olhos.

O tratamento do olho seco geralmente é feito através do uso de gotas lubrificantes, antibióticos, anti-inflamatórios, descongestionantes, medicamentos sistêmicos, anti-histamínicos e até mesmo tranquilizantes, diuréticos, antidepressivos, pílulas para dormir ou anticongestivas, determinados anestésicos, medicamentos para transtornos digestivos e para o tratamento da hipertensão arterial. Entretanto, em certos casos podem ser realizados outros métodos terapêuticos que podem ser recomendados, como obturação dos condutos de evacuação das lagrimas e também o uso de lentes protetoras. Para certificar-se de qual é o melhor tratamento e a causa do olho seco, procure um oftalmologista.

Veja mais sobre o tema

Publicado por Maikon
Revisado em 14/03/2016

Compartilhar

Comentar com Facebook

Receba novidades

Comentar